quarta-feira, 10 de março de 2010

Militantes de Jesus

Vida eterna é que nem cu: cada um que cuide da sua.

Ou não. Porque não existe nenhum tipo de gente mais insuportável do que aquelas que ficam tentando converter a gente pra sua própria religião. Na verdade, pessoas que insistem em convencer outras de qualquer idéia que seja são irritantes.

A diferença é que a maior parte dos militantes das causas desprezíveis são minorias. Ninguém fica escandalizado quando a gente diz que come carne, ou que anda de carro, ou que usa detergente e toma banho, ou que acha que comunismo é coisa de comunista, porque essas coisas ainda são muito mainstream. Ativistas que lutam contra essas atividades ainda são poucos, ainda que venham ganhando espaço nos últimos anos. Acho até que é isso que querem dizer quando falam nas desgraças trazidas pelo aquecimento global.

Mas experimente dizer em público que não tem religião. Vai, vai, é um desafio. Mas não pras pessoas próximas. Tem que dizer, tipo, no trabalho, ou na casa da vó.

Ok, não digam isso no escritório, que vocês nunca mais vão ser promovidos. Fato. Fato também que, mais do que homossexuais, negros, pobres, nordestinos et al, os ateus são os que mais sofrem preconceito no Brasil e em grande parte do mundo. Não que o preconceito seja mais forte, que ninguém faz protesto contra ateus nem nada assim, mas a porcentagem de pessoas que são contra o ateísmo em muitos lugares é maior do que a de pessoas que são contra o casamento gay.

Não é que eu me importe com a opinião do Papa nem nada assim, mas o difícil é uma pessoa que acredita em milagres, outros mundos, inferno, umbanda ou macumba te olhando como se o idiota fosse tu.

Nada contra as religiões, que cada um encontra sua paz espiritual da maneira que preferir (eu, particularmente, sou um grande seguidor do chocolate). Mas pessoas como a mulher idiota que me fez tirar os fones de ouvido na rua pra tentar me converter, ou outra que tentou me entregar folder de Jesus, wrahr, morram!

Abre parênteses, quão idiota precisa ser uma pessoa pra gastar dinheiro imprimindo flyers pró-Jesus?, fecha parênteses.

Além do preconceito contra os ateus, essa mania de querer catequizar os outros leva a outros problemas práticos, como o caso do Board of Education do Kansas, que decidiu que o design inteligente (criacionismo travestido de ciência) fosse ensinado lado a lado com a teoria da evolução nas escolas públicas do estado. Esse caso ficou tão famoso alguns anos atrás que levou o americano Bobby Henderson a endereçar uma carta ao Board of Education, explicando que a sua religião, baseada na adoração ao venerável Flying Spaghetti Monster, possuía tantas bases científicas quanto a teoria do design inteligente, e solicitava que fosse também ensinada nas escolas do Kansas.

Começou como uma brincadeira, mas o Flying Spaghetti Monster acabou se transformando em um símbolo da resistência à introdução de religião no ensino público e ao fanatismo religioso em geral. Porque sim, não aceitar que os outros tenham religiões diferentes ou que não tenham nenhuma religião é fanatismo.

Abre parênteses, o site do Spaghetti Monster, além de instrutivo, é hilário, fecha parênteses.

Tudo isso só pra dizer que eu tenho nojo de pessoas que ficam tentando insistente e insuportavelmente converter os outros para as suas próprias crenças e idéias, e que eu espero que elas estejam certas e que o inferno exista e que elas vão todas pra lá.

image Worship His sanctity, the Holy Flying Spaghetti Monster.

10 comentários:

André disse...

adorei!!

Bianca disse...

concordo! então, por favor, parem de tentar me fazer comer carne :P

André disse...

bia, vegetariano nao tem opiniao.
tu nao vê as almôndegas no spaguetti??

SALVE AS ALFACES! COMA CARNE!

Bianca disse...

morram vocês.

e é, se hoje em dia ser apenas desinteressado em religião e espíritos e diversas "possibilidades" de "destino" após a morte já é visto como absurdo, quem dirá ser ateu. as pessoas não aceitam!

e quando as pessoas argumentam usando deus, religiosidade e sobrenatural, eu começo a prestar atenção em outra coisa.

Bianca disse...

mas é sério, vocês me enchem MUITO o saco!

Bianca disse...

outro absurdo é a religião dos candidatos decidir votos nas eleições!

André disse...

só um p.s.: comprei o peixe de darwin
http://www.stickergiant.com/darwin-fish-plaque_b2214.html

Waick disse...

devia ter comprado esse:

http://www.stickergiant.com/flying-spaghetti-monster_b2181.html

Bruno Guima disse...

Vocês vão arder no mármore do inferno!

André disse...

com prazer!!